dez
21

Há semanas terminei de ler um romance maravilhoso, ‘Pássaros de vôo curto’, a obra-prima do amigo Alcione Araújo. Em seguida, talvez para suprir a falta de tantos personagens envolventes, emendei dois livros interessantes: ‘Fama & anonimato’, lançado por Gay Talese nos anos 60, e ‘Conversas com Almodóvar’, de Frédéric Strauss. Juntos, os dois equivalem a uma super aula de jornalismo. O primeiro lança os fundamentos do chamado ‘new journalism’, criado pelo autor – que seria, nas palavras de Talese, “uma abordagem mais imaginativa da reportagem”. Já no segundo você vê como se faz uma entrevista de verdade e ainda aprende tudo sobre a filmografia de Pedro Almodóvar. É dele o parágrafo a seguir, com o qual me identifico:

“(…) Quando tinha dez anos, interessava-me muito por todos os artistas cujo talento já se manifestara quando tinham a minha idade, como Mozart, que compusera músicas, enquanto eu não havia feito nada. Depois descobri que Rimbaud escrevera grandes poemas aos 18 anos; eu já tinha 18 anos e ainda não fizera nada. Procurava referências e descobri um escritor que só começara a escrever aos 40 anos: senti-me mais próximo disso, era tranqüilizador. Sempre senti a pressão do tempo. Isso não tem nada a ver com o fato de envelhecer, mas com a vontade de inscrever algo no tempo (…)”

Já comecei a ver & rever os filmes de Almodóvar. Tem mais alguém nesta onda deliciosamente kitsch?

* Reprodução do cartaz de ‘A lei do desejo’ *

Você pode deixar uma mensagem, ou um trackback do seu próprio site.

6 respostas to “Pássaros e uma aula de jornalismo”

 
  1. Val Becker disse:

    Tem :))

  2. Val Becker disse:

    Kitsch?
    E o que é a estética anos 80 de ‘Matador’… hehehe!

  3. PAUL CONSTANTINIDES disse:

    monica, morrendo de sono…uaaaaaa!!!!mas cinema, paixao enorme…ontem revi Ammacord (Felini) e fiquei feliz em perceber q o filme ainda bate forte no meu ser, q o tempo nao fez ele esmorecer…

    olha, acho q o Quentin Tarantino, tem um ponto em comum com o Almodovar, mas nao sei bem onde…mas q tem, tem….risos

    abs
    bjs
    e grande Val qdo rola outro show?
    seus poemas estao de arrasar menina…..

    paul

  4. Lilian disse:

    Kitsch? que tal Barbarella,de 68 com a Jane Fonda? Quac, você precisa ver esse! assisti Matador outro dia e tenho o Kika aqui. Vale conferir. Beijos!!!

  5. monica disse:

    barbarella hahaha. você sabe que há uma ‘boite’ homônima na prado júnior, né? rs juro que um dia ainda entro lá só pra me sentir no submundo rs.

    a val tem o ‘matador’ (vimos recentemente) e eu preciso rever ‘kika’ porque sempre digo que é o único almodóvar do qual não gosto. quem sabe agora, conhecendo um pouco mais da obra do cineastaa espanhol? beijo, quac, lili!

  6. Alexandra disse:

    Kitsch, nesse momento não. Mas dêem uma olhada na comédia “queime depois de ler” nos cinemas agora. É de doer o maxilar. bjs, meninas!

 

Deixe seu comentário

Monica Ramalho

Monica Ramalho

Como me achar

(21) 99163.0840
moniramalho@gmail.com

Arquivo

Caixinha de Música